Home INFORME CONTEC Agência bancária aberta no sábado é “tiro no pé”, diz presidente da CONTEC

Agência bancária aberta no sábado é “tiro no pé”, diz presidente da CONTEC

0
42

Lourenço Prado lembra que algumas instituições já tentaram antes essa medida sem sucesso

Há 55 anos, a categoria bancária conquistou o sábado como dia de repouso remunerado. Inclusive, o sétimo dia da semana nem é mesmo considerado dia útil a título de cobranças, já que as agências bancárias estão fechadas em todo o Brasil. Mas essa conquista histórica, negociada e assumida há décadas pelo sistema financeiro, sofre agora ameaças de ser extinta.

A CONTEC, todas as federações e sindicatos, estão juntos para combater esse retrocesso. A conquista do sábado como dia de repouso deve permanecer para que a saúde dos trabalhadores seja mantida. A jornada da categoria bancária é extremamente estressante e a prova disso são os altos índices de casos de adoecimentos de trabalhadores, vitimados por doenças cardíacas e mentais crônicas.

Vejam que o ritmo de trabalho intenso, as cobranças por metas e ainda uma jornada prolongada pode ser mais que um retrocesso de conquistas, mais um caminho para o mal-estar de milhares de trabalhadores que já têm no serviço laboral uma sobrecarga diária ao longo da semana comercial. Ou seja, de segunda a sexta-feira.

A CONTEC vai lutar contra isso. O sábado precisa ser mantido como um dia de repouso. “Um Banco já tentou abrir aos sábados há vários anos, mas fracassou. Foi um fiasco: não houve adesão da clientela, a segurança se tornou precária e os bancários se sentiram explorados e sem estímulo. Abrir por abrir aos sábados será um tiro no pé”, afirmou o presidente da CONTEC, Lourenço Prado.

O post Agência bancária aberta no sábado é “tiro no pé”, diz presidente da CONTEC apareceu primeiro em Contec Brasil.

Carregar mais artigos relacionados

Veja também

Covid: 4ª dose aumenta significativamente imunidade, aponta estudo britânico

Uma quarta dose de uma vacina de mRNA contra a Covid-19 aumentou significativamente a prot…